Autismo - Quando consultar um médico?

Diagnosticar o transtorno do espectro do autismo (TEA) pode ser difícil porque não há nenhum exame médico, como um exame de sangue, para diagnosticar o transtorno. Os médicos analisam o histórico de desenvolvimento e o comportamento da criança para fazer um diagnóstico.

Às vezes, o TEA pode ser detectado aos 18 meses de idade ou menos. Aos 2 anos, um diagnóstico feito por um profissional experiente pode ser considerado confiável. No entanto, muitas crianças só recebem um diagnóstico final muito mais velho

Última revisão da página: 8 de setembro de 2023

Quando procurar um médico por suspeita de autismo


Os bebês se desenvolvem em seu próprio ritmo e muitos não seguem os cronogramas exatos encontrados em alguns livros sobre pais. Mas as crianças com transtorno do espectro do autismo geralmente apresentam alguns sinais de atraso no desenvolvimento antes dos 2 anos de idade.

Se você estiver preocupado com o desenvolvimento do seu filho ou suspeitar que ele possa ter transtorno do espectro do autismo, discuta suas preocupações com seu médico. Os sintomas associados ao transtorno também podem estar associados a outros transtornos do desenvolvimento.

Os sinais do transtorno do espectro do autismo geralmente aparecem no início do desenvolvimento, quando há atrasos óbvios nas habilidades de linguagem e nas interações sociais. O seu médico pode recomendar testes de desenvolvimento para identificar se o seu filho tem atrasos nas habilidades cognitivas, linguísticas e sociais, se o seu filho:

  • Não responde com um sorriso ou expressão feliz por volta dos 6 meses
  • Não imita sons ou expressões faciais aos 9 meses
  • Não balbucia ou arrulha aos 12 meses
  • Não gesticula - como apontar ou acenar - aos 14 meses
  • Não diz palavras isoladas aos 16 meses
  • Não brinca de "faz de conta" ou faz de conta aos 18 meses
  • Não diz frases de duas palavras aos 24 meses
  • Perde habilidades linguísticas ou sociais em qualquer idade

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para cuidados ou conselhos médicos profissionais. Entre em contato com um profissional de saúde se tiver dúvidas sobre sua saúde.


A BR Terapeutas é uma plataforma de anúncios de profissionais da saúde e da educação especial que atendem pessoas com deficiência em todo Brasil. Criada por uma fonoaudióloga que também é mãe atípica, viemos para facilitar a vida da comunidade PcD.

Referência

O tratamento envolve intervenções de diversas áreas como médicos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais entre outros, além da orientação de pais, cuidadores, amigos etc.

Você pode encontrar profissionais perto de você no site BR Terapeutas.